Próximo iPhone deve ser capaz de recarregar outros aparelhos sem fio

Assistência especializada Apple em Ribeirão Preto

Próximo iPhone deve ser capaz de recarregar outros aparelhos sem fio

A Apple deve incrementar ainda mais alguns recursos de energia de seus dispositivos e incluir o suporte para o compartilhamento de energia no próximo iPhone. O chamado Power Share já existe em um número restrito de modelos de outras marcas e serve para que um smartphone se transforme em uma bateria portátil para recarregar outros aparelhos.

No caso da Apple, quem aposta nessa novidade é o analista Ming-Chi Kuo, crente de que a Maçã permitirá esse tipo de compartilhamento tanto por meio de ligações cabeadas quanto por meio de indução — ou seja, sem fio. Pois é, se a previsão se concretizar, quem comprar o aparelho deste ano poderá recarregar Apple Watch ou AirPod usando apenas o próprio iPhone.

Além disso, apesar de ser apenas uma previsão feita por um analista com base em conversa com fontes, a possibilidade deste recurso chegar ao iPhone é bastante plausível também porque dois de seus principais concorrentes já o possuem: Huawei Mate 20 Pro, do ano passado, foi o primeiro a contar com tal novidade, enquanto o Samsung Galaxy S10 fez o mesmo neste ano.

iPhone e USB-C

Depois de investir por anos na porta Lightning, a Apple lançou iPads Pro no ano passado com entrada USB-C e deve fazer algo parecido os iPhones em 2019. A empresa não abandonaria a entrada Lightning de vez, mas incluiria um carregador potente USB-C e um adaptador Lightning para USB-C no kit básico do dispositivo.

A esse carregador teria suporte para o sistema de recarga rápida USB Power Delivery — e se pensarmos que o iPhone pode ter uma função power bank, isso faz ainda mais sentido. Há quem acredite, ainda, que a fonte incluida pela Maçã será de 18 W ou ao menos essa versão seria disponibilizada para compra separadamente.